Você Sabia? Formalização do MEI é gratuita e feita na internet

Olá pessoal

Semana passada ‘furei’ com nossas “quartas do empreendedorismo”. Com o fechamento do semestre entrega de trabalhos e provas da #FatecSebrae fiquei meio atordoada e não consegui parar e dar uma atenção ao blog.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Seguindo o assunto do último post sobre o MEI +aqui  onde falei sobre uma das formas de formalização da empreendedora, o post de hoje explica direitinho como e onde fazer o MEI.

Antes de tudo é preciso verificar se a atividade que deseja fazer está enquadrada na categoria do microempreendedor individual e também se ela pode ser exercida na cidade e local escolhido. A lista completa pode ser consultada aqui

Feito isso você deve iniciar a sua inscrição, não há gasto algum não precisa de contador é tudo feito na hora, pela internet. Não cai em ciladas, tem muitas pessoas se aproveitando do ‘Boom da formalização’ para cobrar taxas e serviços diversos para a formalização do MEI.

O cadastro é feito pela internet através do Portal do Empreendedor, o CNPJ, a inscrição na Junta Comercial, no INSS e o Alvará Provisório de Funcionamento são obtidos imediatamente, gerando um documento único, que é o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual – CCMEI.

Não há a necessidade de assinaturas ou envio de documentos e cópias. Tudo é feito eletronicamente.

Você pode obter mais informações no site portaldoempreendedor.gov.br

O Sebrae conta com um para orientação de quem deseja abrir um MEI +aqui Curso EAD MEI

Infos: Portal MicroEmpreendedor | Sebrae